grafico
grafico
Vinícolas Mendoza

Caminos do vinho Mendoza

Vinhedos do Vale de Uco (Valle de Uco)

Sem dúvidas este vale adquiriu um grande reconhecimento nos últimos anos no que à indústria vitivinícola respeita. Centro de atração dos grandes investimentos estrangeiros principalmente franceses e holandeses, e com uma grande explosão das adegas familiares e boutique, o Valle de Uco hoje tem sua própria importância. Os departamentos de Tunuyán, Tupungato e San Carlos estão envolvidos pelos cumes arredondados do Cordón del Plata e escoltados pela majestosa Cordilheira dos Andes, que oferecem um clima excepcional, fornecendo a tão célebre amplitude térmica, que permite um grande desenvolvimento da videira. Seus cultivos têm uma extensão de 10.000 hectares, e são irrigados pelo rio Tunuyán Superior.

Está localizada ao sudoeste da cidade de Mendoza, entre os 33º 5’ e os 34º de Latitude Sul. As altitudes descendem dos 1.200 até os 900 metros acima o nível do mar.

Há nesta região aproximadamente 13.000 hectares de vinhedos. A zona se caracteriza pela sua capacidade para produzir uvas de excelente qualidade, da qual se obtém vinhos aptos para guardas prolongadas. É atualmente uma das zonas mais requeridas pelos investidores, especialmente pela sua capacidade para o desenvolvimento de uma vitivinicultura de altitude.

As cepas tradicionalmente cultivadas foram o Semillon e o Malbec; junto a eles, em menor medida, Bonarda e Barbera.

Entre os cultivos de recente plantação os viticultores preferiram as variedades de ciclo meio que atingem uma ótima maturação, como Merlot e Pinot Noir.

Vinhedos do Valle de Uco

Pousada Salentein


Nas zonas menos altas da região se cultiva o Cabernet Suavignon e o Chardonnay, este último é colhido cedo para lograr uma excelente acidez nos espumantes. É reconhecido o Syrah da zona.

arriba  home

Adega Sophenia. Tupungato.

 

grafico
grafico
grafico